Cores, fontes, formatos e texturas: a importância da materialidade no livro infantil

A Taba acredita que em um bom livro para infância a materialidade do objeto sempre está a serviço da construção de sentido. Cores, fontes, formatos e texturas – nada está ali por acaso. Tudo tem algo a dizer.

Para conversar com nossos leitores sobre o tema, convidamos Júlia Zuza. Mineira de Belo Horizonte, Júlia é doutoranda em literatura pela Universidade de Coimbra (Portugal) e mestre em literatura pela mesma universidade. Possui artigos publicados sobre materialidade e relação palavra/imagem no livro infantil. É colaboradora da Revista Emília. Já publicou poemas em antologias e suplementos literários no Brasil, além de realizar performances poéticas. Integra o coletivo Fuso Laboratório Gráfico. Vive em Lisboa.

A conversa será transmitida ao vivo no site da Taba e no canal A Taba no YouTube.

Para ser lembrado do evento, preencha o formulário ao lado e lhe enviaremos um e-mail minutos antes do início da transmissão. 

Quando? Dia 18 de julho, às 18 horas.

Onde? Ao vivo, no site da Taba e em nosso Canal no Youtube.

$zzv0irbx08h

"A Taba acredita que boas experiências de leitura aproximam adultos e crianças.

Por isso, criamos conteúdo para que cada vez mais pessoas possam conhecer bons livros e criar conexões a partir das histórias dos livros e também de suas próprias histórias."